Home - R2 Consultoria
5
home,page-template,page-template-full_width,page-template-full_width-php,page,page-id-5,qode-listing-1.0.1,qode-social-login-1.0,qode-news-1.0.2,qode-quick-links-1.0,qode-restaurant-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-13.0,qode-theme-bridge,bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.5,vc_responsive

Atendimento Personalizado

Prazo de entrega dos Serviços

Parcelamento do Pagamento

Profissionais com grande expertise nos assuntos

VOCÊ SABIA QUE SUA EMPRESA PAGA IMPOSTOS INDEVIDOS MESMO ESTANDO NO SIMPLES NACIONAL?

Produtos sujeitos ao regime de substituição tributária do ICMS e do regime monofásico do PIS/COFINS concentram sua tributação na etapa de produção e exportação, eximindo as empresas revendedoras atacadistas e varejistas do pagamento dessa alíquota.

Porém, por falta de conhecimento, erros de interpretação na legislação, arbitrariedades do fisco e, até mesmo, a automatização de todo o processo tributário, fazem com que mais de 95% das micros e pequenas empresas optantes pelo simples paguem impostos indevidos.

A tarefa de levantar esses créditos, é, praticamente impossível de ser realizada manualmente, mesmo com uma equipe profissional de analistas e auditores tributários.

Nossos especialistas das áreas fiscal, tributária e contábil, desenvolveram um software que desmembra todas as vendas informadas nos arquivos XML ou MFD, identificando os valores pagos indevidamente em cada produto.

Com isso, é possível requerer a recuperação desses valores. É um direito seu! E a R2 Consultoria, auxilia você a exercer o seu direito de recuperação desses impostos pagos indevidamente.

Antes de mais nada, é necessário esclarecer que o trabalho proposto, encontra embasamento legal na Lei 10.147/2000 e modificações, sendo este assunto já pacificado.

É preciso citar que os optantes pelo Lucro Real e até mesmo Lucro Presumido, também tem direito.

Nossos Serviços

Contribuições Previdenciárias

A classe empresarial sofre com alguns atributos que não são interessantes e tem um alto custo da folha de pagamento. Especialmente em proventos na GPS, GFIPs e até mesmo o FGTS, são vários tributos que são bem perigosos.
Uma vez que só a Contribuição Social vai ter um custo de 20%, sem contar o sistema S que pode chegar a 5%. E o que falar sobre o FGTS? São 8%, porém a R2 Consultoria pode te auxiliar a conseguir fazer o resgate desse valor.

Verbas Indenizatórias

Esse trabalho é feito com um analise na folha de pagamento, pois a intenção é encontrar algumas verbas de cunho indenizatório. Tudo através de um pedido administrativo, pautado por decisões do STF E STJ e mantendo a facilidade.

SAT/RAT

A recuperação de credito para empresas optantes pelo simples é possível, bastando seguir as alterações da Legislação. Obviamente que relacionado com os decretos 6042 e também 6.957/09, lembrando que a alíquota RAT é determinada através do Código CNAE da empresa.

Retenção de INSS

A retenção em NFS vai tratar sempre de valores que são descontados na sua fonte da NFS, informando a retenção da SEFIP. É possível que ocorra um abatimento sobre o valor devido ao INSS (campo 6 da guia GPS).
Esse valor retido se for maior do que o apurado para o INSS, o remanescente pode até ser contabilizado para futuras compensações. A recuperação de credito para empresas optantes pelo simples nesse caso é mais fácil.

ISS

O tão famoso ISS é um verdadeiro fantasma na vida de alguns, porém a lei 116/2003 dispõe o mesmo como um fato gerador de prestação de serviço. A locação de bons móveis ou imóveis não vai constituir uma prestação de serviços.
A locação de imóveis, carros e até máquinas não podem ter a incidência do ISS, porque não caracteriza serviço. Também não terá qualquer tipo de previsão da incidência em Lei Complementar, portanto, lembre-se desse detalhe.

Compensação

A lei 8.383/91, permite que a compensação do crédito apurado seja feita de forma sempre administrativa. O artigo 66, tem uma redação que deixará a sua vida muito mais simples e o próximo tópico te auxiliará nisso, veja a seguir:
Art. 66. Nos casos de pagamento indevido ou a maior de tributos, contribuições federais, inclusive previdenciárias, e receitas patrimoniais, mesmo quando resultante de reforma, anulação, revogação ou rescisão de decisão condenatória, o contribuinte poderá efetuar a compensação desse valor no recolhimento de importância correspondente a período subsequente.

Quem Somos

A R2 Consultoria é formada por advogados, contadores e auditores, com experiência de mais de 20 anos, primando pela excelência dos serviço prestados.
Entendemos que cada cliente tem a sua particularidade, seu tempo e seu problema. Com isso, fazemos questão de um atendimento personalizado por um dos sócios ou parceiro de negócios, alcançando assim melhores resultados.
Nosso foco e voltado para recuperação de créditos monofásicos para empresas no simples nacional, mas, atuamos também em recuperação de ISS recolhido indevidamente, retenção de INSS, auditoria em débitos na dívida ativa, dentre outros serviços.

Nossos Clientes

Solicite um Orçamento